Roger Scruton É mais uma vítima de Assassinato de Reputações dos Médias.

Share:

 
Esquerda inicia processo de linchamento de Sir Roger Scruton
Roger Scruton foi chamado para compor um ministério que reformaria habitações populares na Inglaterra, sem para isto receber salário qualquer que fosse. Basicamente, seria o fim das horríveis arquitecturas quadradas provindas da Bauhaus e da escola de Ulm, que destruíram toda a beleza tradicional inglesa e legaram um sem fim de prédios abandonados.

A malta  da esquerda mediática (The Guardian, The sun, The independent) insistiu que ele é "fascista, misógino, machista, islamofóbico, anti-semita e homofóbico", juntamente com o Partido Trabalhista Inglês e que Thereza May, primeira-ministra inglesa, dados estes "factos", não deveria chamá-lo. Fizeram isto, tomando partes de textos que escreveu em mais de 40 livros e descontextualizando-os para pintar no filósofo já um monstro dantesco oculto na boceta de pandora.
No último sábado, dia 3 de novembro, o filósofo conservador inglês Roger Scruton foi escolhido como Presidente da nova comissão governamental ‘Building Better, Building Beautiful’ (‘Construindo Melhor, Construindo Bonito’). Nas palavras do Secretário de Habitação do governo de Thereza May, James Brokenshire, um dos objetivos da Comissão é “desenvolver uma visão e medidas práticas para ajudar a assegurar que novos empreendimentos habitacionais atendam às necessidades e às expectativas das comunidades, tornando-os mais propensos a serem bem-vindas do que resistidas”. Como Presidente, Roger Scruton será um dos responsáveis pela elaboração de planos que servirão como base para a construção de novos empreendimentos habitacionais, respeitando aspectos estéticos e as necessidades específicas de cada localidade.
Fonte: https://www.locusonline.com.br/2018/11/10/maquina-de-destruicao-de-reputacoes-atinge-roger-scruton/?fbclid=IwAR1jMUm1uMvXhKlnPbyDMwD6civCozuXa7dvMhRdcTpFFRXDBXSypjhn8lY

Nenhum comentário