Porta dos fundos: "Ninguém me ama, ninguém me quer..."

Share:

Após ser autorizado a captar, pela Ancine, (Agência Nacional do Cinema) a quantia de R$ 7.574.983,59 o novo "sucesso" da trupe Porta dos Fundos, Contrato Vitalício, amargurou relativo fracasso na estreia nos cinemas nacionais, ficando em 6o lugar.

O pior estava por vir: Se nas duas primeiras semanas de exibição, um filme não conseguir um bom público, 99,9% das previsões atestam que as subsequentes serão um desastre total. E foram para o caso: somente 14 mil pessoas foram ao cinema assistir ao filme em sua terceira semana de exibição, o que deu ao grupo um apurado bruto de apenas R$6 milhões.

O que se seguiu foi a remoção do filme de cartaz, com posters sendo retirados, porque rodar filme ruim já dói e fazer isso sem retorno é masoquismo ultimate level.

Outros sucessos, nomeadamente infantis, foram preferidos pelo público, como A Era do Gelo - O Bing Bang, Carrossel 2 e Procurando Dory.

Fontes:
http://www.noticiasaplicativos.com/1996390/filme-que-foi-bancado-com-dinheiro-publico-e-retirado-dos-cinemas-por-falta-de-espectadores/

http://www.tvcidadesbt.com.br/2016/07/filme-do-porta-dos-fundos-sai-dos.html